E a Mayra que foi viajar e não contou nada parte 2

Segunda parte UHUUU:

785ddf24-eb62-42ca-a300-56378daf93c6

Voltando….

Na segunda parte da viagem cheguei em Los Angeles e já fui conhecer Long Beach com o Gui. Andamos pela costa errada e linda e ele me mostrou o navio GIGANTE Queen Mary na marina mais bonitinha da vida. Depois disso, entre um dia ocupado e outro conhecemos: Hollywood Boulevard com as estrelas na calçada, o teatro do Oscar, o calçadão cheio de gente diferentona de Venice, o píer com direito a pôr do sol romântico mais sensacional da minha vida de Santa Monica <3, downtown L.A., o LACMA maravilhoso com as exposições proibidas e instalações maravilhosas (maravilhosa define hahaha) e a Rodeo Drive lindinha de filme com as lojas de grife mais chiques da vida.

Agora pausa pro surto: ESTAVA TENDO UMA EXPOSIÇÃO DE ESCULTURAS DO SALVADOR DALI AO AR LIVRE . Não teve oportunidade melhor de visita acho ❤

Mais uma pausa hahaha, sobre Las Vegas. Eu tenho vontade de ser rica normalmente, mas essa cidade me deu MAIS vontade hahaha. Passei um dia e meio pra conhecer sete cassinos, uma balada MUITO LOTADA (brigada Barbara Boutique pelo dress mara!) duas galerias de arte F*DAS e mais uma vez ficar babando em vitrines e lugares sensacionais. A dancinha das águas foi uma parada cardíaca,  ( não sei como postar aqui help) as construções todas gigantes e aquele monte de luz e de gente me deixaram meio desnorteada,  foi tipo a sensação da visita ao Times Square só que com um olhar sem vergonha.

Você jogou nos cassinos Mayra? Não gente, lembra da diferentona? Fomos exploradores de cassinos ❤ . Foi mais divertido gastar meu tempo vendo a maior quantidade de coisas lindas possível do que brincar com sorte envolvendo meu ryco dinheirinho. Quando eu voltar minha meta é assistir quantos espetáculos do Cirque du Soleil eu conseguir (descobrir que tem um pra cada cassino me deixou passada).

Aé, e o caminho. Então, o caminho, a estrada, o deserto, as montanhas… aquela cor toda em degradê no horizonte. Aquilo tudo que mais uma vez me deixou sem ar ligou um botão na minha cabeça que não da pra explicar muito. Eu não consegui me mover, quanto mais tirar fotos. Aliás, como vocês puderam ver nos dois posts, a falta de uma linha de tempo e fotos de tudo (o que eu to acostumada a fazer em todas as minhas redes sociais) foi exatamente isso: tava tudo surreal, passou muito rapido e eu absorvi completamente cada minuto por direito. Eu tava passada de cansaço e de saudade das minhas pessoas maravilindas. Daqui em diante essa maravilha ressoando: Mayra, você precisa mais vezes dessa mágica. Essa parada cardíaca, esse suspiro, esse sorriso encravado no canto da boca, essa paz de estar num lugar fantástico com pessoas que me fazem esse bem absurdo. Na correria a gente esquece do bem que isso faz, ou a diferença que dá. Sentar sem previsão de levantar pra assistir o pôr do sol, ficar olhando essas cores no deserto, olhar toda a luz das janelas da central do metrô, andar sem objetivo por umas ruas só pra ver o movimento do lado de quem você ama? Era tudo o que eu precisava. Acho que no ano novo vai ser minha resolução pra 2017. Me surpreender e encantar mais.

Beijos gente ❤

Anúncios

10 motivos para começar a correr

Comecei a correr há mais ou menos 6 meses e sei o quão difícil é começar, mas os benefícios valem todo o sacrifício. Antes de sair desse post achando que vai ser chato, calma, não desiste de mim. Só vem!

Até uns 2 anos atrás eu mal conseguia “dar um tiro” de 1 minuto na esteira, eu tentava, mas a sensação era de quase morte. As vezes eu pensava: “já imaginou eu ter que correr de um bandido qualquer dia desses? Eu morro” hahaha, neurose à parte, eu passei a insistir e correr o quanto eu conseguisse na esteira, depois passei a correr na rua, mesmo que fosse alternando 1 min correndo e 1 min caminhando. No ano passado, entre agosto e novembro, eu corria pelo menos 1 vez na semana com o personal Lucas Matheus que também me ajudou muito na questão motivacional, nós corríamos entre subidas e descidas em torno de 5km. Antes de Dezembro eu já estava conseguindo correr 8km! :O Nunca imaginei que conseguiria, mas cheguei lá.

Nós temos a mania insuportável de nos auto sabotar dizendo pra nós mesmas que não vamos conseguir ou que “isso não é pra mim”, para agora, e só vai, que aos poucos você chega lá. Vou te dar 10 motivos pra você começar a correr HOJE.

  1. Emagrece super rápido! Correr faz com que você exercite o corpo todo. Quando você correr o seu primeiro quilômetro sem parar no outro dia você vai estar com dor em músculos que nem sabia que existia.
  2. Fortalece as pernocas AND o abdômen.
  3. Todos os dias você é vencedora, porque só o fato de você sair de casa e se dispor à correr, já é um grande passo. ❤
  4. Melhora a respiração e também as doenças crônicas como rinite e sinusite. O peito parece que expande. Se você é médico ou personal, comenta aqui em baixo se isso acontece mesmo? Porque a impressão é de que cabe muito mais ar no peito. 😀
  5. Você tem confiança de que se precisar correr de um bandido (não armado, pelo amor de Deus) você vai fazer ele comer poeira. rssss
  6. Dá alegria! 😀 Começar a correr é um saco, todos os dias que você pensa “vou correr” a preguiça grita dentro de você, mas o pós (viva a serotonina) é incrível!
  7. É um momento que você pode passar com você mesma e pensar sobre a vida e, até, ter ideias geniais (ótimo pra quem trabalha com a criatividade).
  8. É grátis! Você pode correr na rua, no parque, no bosque, onde você quiser e não precisa pagar nada. Claro que se você quiser dicas para começar, como respirar e evitar lesões, é sempre bom começar com um personal, mas acaba sendo mais barato que qualquer outra atividade.
  9. É a desculpa perfeita pra você fazer uma playlist no Spotify com músicas que faz tempo que você não ouve.
  10. Fortalece o sistema cardiovascular. ❤

Vai começar a correr? Vou te dar uma dica, você vai ter dores no início e se não tiver uma orientação pelo menos no começo, pode ser que você tenha alguma lesão e o que era pra ser bom acaba sendo um desastre. Então, experiência própria, encontre o tênis ideal para o seu tipo de pisada e a SUA forma de correr (cada um tem a sua). Por isso, eu aconselho começar com um profissional ao seu lado para te dar as dicas necessárias.

A minha pisada é pra fora, então descobri que tênis com uma base maior que me dê mais estabilidade me ajuda a não ter dores, pra quem acompanhou o projeto BD Fashion Fitness do ano passado sabe que eu tive uma ‘canelite’ e quem tirou minhas dores foi o Felipe Ceribelli fisioterapeuta e quiropraxista.

Esse é o tênis que eu estou usando, Response da Adidas, ele tem o sistema Boost que é o tipo de amortecimento que a Adidas tem trabalhado e esse não é o modelo mais top da marca, mas atende a minha necessidade, ou seja, o amortecimento não vai até a ponta dos dedos o que ajuda na velocidade. A base mais aberta me ajuda muito na estabilidade e é super confortável. Indico! 😀

Vou deixar o telefone do Lucas (meu personal) pra você que quer começar a correr e do Felipe (meu fisioterapeuta) caso você já tenha alguma lesão ou dor constante e queira saber se você pode começar a correr e até mesmo descobrir o seu tipo de pisada e etc. Fisioterapia não é só pra quem tá quebrado, gente! É também pra quem quer evitar futuras lesões.

GoFitness Lucas – http://www.facebook.com/g0fitness | (14) 99810-8017

Felipe Ceribelli – http://www.facebook.com/fisioceribelli | (14) 99710-6093

O Rio de Janeiro continua…

Já faz uns dois meses que fui ao Rio de Janeiro e não foi por falta de tentativa de fazer o post que tanto prometi para vocês, na verdade eu fiz, mas ele sumiu do blog e eu acabei largando mão. O post tava lindo e completão! :~ Vou tentar lembrar de tudo e fazer o mais parecido que estava. Bora, lá? Apertem os cintos e anote as dicas!

Só essa semana me deparei com 2 pessoas me perguntando sobre minha viagem, o que eu fiz e quanto gastei, por isso animei novamente de repetir o post e dar dicas pra quem quer viajar tanto pro Rio quanto pra outro destino.

Acho que a preocupação da maioria das pessoas é o gasto quando o assunto é viajar , então reuni em tópicos algumas dicas para te ajudar a economizar:

1. onde ficar?

Eu tive a oportunidade de ir para SP com uma amiga esse ano que me apresentou um aplicativo chamado Airbnb, é basicamente um buscador de hospedagem, mas a diferença é que as casas e apartamentos disponíveis são de pessoas que alugam com um custo e benefício bem amigável e você ainda pode baratear ainda mais escolhendo ficar na casa juntamente com o morador e o gasto acaba sendo bem menor.

2. Roteiro

Eu sou ALOKA do roteiro, daquelas que passa dias pesquisando e faz anotações com todas as coisas que quer fazer na viagem. No RJ não foi diferente, pesquisei os lugares que eu queria conhecer e já me preparei para os gastos. Dentro do roteiro mesclei destinos pagos e de graça. O Rio tem bastante opções baratinhas e grátis, inclusive, show, festivais e barzinhos bem legais, então vale a pena dar uma boa pesquisada antes de sair de casa. Um dica, por exemplo, é ir para a Lapa à noite, além das baladas e bares, também rola uma feirinha ao ar livre. 😉

3. Fazer as malas

Miga, você sabe que não vai usar 10 pares de sapatos e 25 peças de roupas em uma viagem de 1 semana, né? Então, APENAS PARE de fazer malas gigantes, principalmente quando o destino é o Errejota, vai por mim, lá você vai usar chinelo e no máximo uma rasteirinha para as noitadas. Vestidinhos e short jeans viram seus melhores amigos! Se for ficar em apê compensa levar mais trocas de biquínis, esses sim nunca são demais na sua mala de praia, enquanto seca um, você usa outro.

4. Noitada

Uma semana antes da viagem dá uma pesquisada do que vai rolar no Rio de shows grátis, eventos e bazares, na maioria das vezes você vai fazer um roteiro baratex e bem legal gastando pouco, mas para isso você tem que pesquisar. Graças a minha prevenção eu consegui ir num evento de moda, no show da Céu, Outlet e Bazar… TUDO ISSO de graça! Sem contar que fui à Lapa de metrô e o gasto foi bem menor do que se eu tivesse ido de táxi.

5. transporte no rio

Antes de chegar à cidade maravilhosa baixe o aplicativo Bike Rio e faça seu cadastro antecipadamente, vai facilitar a sua vida quando você chegar lá e quiser explorar tudo em duas rodas. ❤ Como muita gente usa as bicicletas, o app fica sobrecarregado e você acaba perdendo muito tempo tentando baixar e fazer o cadastro na hora que for usar. Do resto, é super auto explicativo e fácil de  entender.

Escolha um apê que seja perto de algum metrô. No Rio as coisas são bem longe uma da outra e às vezes você vai precisar mais do que a Bike para ir onde quiser. Aconselho baixar o app do Metrô, nele tem mapa e as linhas que você deve pegar pra ir a cada ponto turístico que quiser. Anota com carinho essa dica, porque se você for depender de Uber e Táxi no Rio, você vai ter um mini enfarte com o quanto gastará.

Essas são 5 dicas que me fizeram gastar bem menos na minha viagem. Para quem quer ter uma base, nós gastamos (eu e meu namorado) em torno de 2.500 reais, o que se for ver, ficou bem barato! Agora vamos as fotenhas e os lugares que visitei!!! 😀

Caminhar por copacabana e Ipanema tem desses encontros, tudo bem fazer a gringa e tirar foto com Drummond e tals, mas se avistar uma celebridade correndo na praia, olhe, finja costume e continue andando, sério, não peça pra tirar foto. a primeira vez que fui ao Rio pedi uma foto com pedro bial e, migas, pensa na patata histórica que levei? então, fica a dica!

View this post on Instagram

Altos papos com Drummond. #migo #rj #riodejaneiro

A post shared by Tamylin (@tamylinellen) on

vale a pena tomar café da manhã no palácio do parque lage, lugar lindo, cheio de história e o breakfast é delícia!

View this post on Instagram

Por mim eu ficava o dia todo! ❤

A post shared by Tamylin (@tamylinellen) on

Depois de comer um montão, vale dar uma andada de bike pela lagoa rodrigo de freitas que fica bem pertinho. ❤

entre os postos 8 e 10 de ipanema é o lugar mais seguro para pegar uma praia, além de ter uma vista incrível para o morro dos dois irmãos.

aahh o pão de açúcar ❤

View this post on Instagram

Pão de Açúcar. #rj #rio #paodeacucar

A post shared by Erikson Coutinho "Kiko" (@eriksoncoutinho) on

e a vista do pão de açúcar? Depois de tirar várias fotos eu aconselho você a ir passar o fim de tarde na praia vermelha no pé do pão, ô lugar delícia! ❤

 

vale a pena ir para a noitada na lapa e voltar durante o dia para tirar foto na escadaria selarón que fica pertinho.

existe um bar chamado belmonte que tem na lapa, copacabana e acredito que em mais lugares do rio, foi dica da tata do blog prazer consumista, gente é lá que se encontra o chopp mais gelado do universo e a empada de camarão mais sensacional que já comi.

Reuni as principais dicas e lugares, porque se eu fosse falar sobre tudo ia ficar um ano escrevendo! O Rio é grande e todos os lugares são incríveis!!! Se você está se perguntando, e o Cristo, cadê? Eu já conheço o Cristo Redentor e eu ia de novo, mas os dias estavam nublados, e não compensava pagar caro para chegar lá e não conseguir enxergar nada, então, fica pra próxima, porque com certeza vou voltar! Beijinhos e um ótimo e lindo ano novo pra vocês!!!