Sem rótulos, por favor

Nos últimos anos podemos perceber mudanças no posicionamento da sociedade, da mídia e das pessoas. A internet tem mostrado assuntos dos mais variados para serem analisados com muita atenção daqui pra frente. A sociedade está passando por um tratamento de choque, ninguém quer mais viver de rótulos, presos a um gênero e a um padrão. Como disse a maravilhosa Emma Watson em um dos seus discursos “Se não for agora, então quando?”.

Ontem eu e a Mayra caímos de paraquedas no lançamento da nova coleção da Melissa FlyGlr, estávamos passeando pelo Shopping e nem sabíamos que estava rolando o coquetel, tanto é que isso não é publi, é amor! A coleção está incrível, como sempre, mas não é dela que eu quero falar e sim da mensagem por trás da campanha. A proposta é inspirar as mulheres a serem quem elas quiserem, se transformar e se despir dos padrões e ser livre, por isso o nome FlyGlr. A marca ainda defende uma moda “no gender” que tem sido um assunto bem comum nas campanhas das marcas mais antenadas. Esse movimento vem como forma de desconstrução de gênero, o que vocês vão ouvir falar muito daqui pra frente e se ainda não sacou a pegada, corre dar um google!

melissa-flygrl-banner-grlpwr

Para começarmos a entender todos os movimentos que estão acontecendo no Mundo, seja ele feminista, racial, social  – WHATEVER, nós precisamos ter empatia, se colocar no lugar do outro nunca esteve tão na moda. Vista a sua melhor empatia todos dias quando sair de casa, essa é a dica mais valiosa que você vai receber nos últimos tempos, sabe por quê? A maravilhosa Nátaly Neri deu uma entrevista esses dias que me deixou no chão e vai explicar bem a questão da empatia. Se você é uma mulher branca, veste até 40 e é hétero você é privilegiada por ter uma mídia que te representa, se você não se encaixa é conhecida como “diversidade”. Colocar uma mulher negra, uma que veste 50 e outra que gosta de mulheres num comercial, por exemplo, é uma cota ~ e não deveria ser ~. Pra gente conseguir entender contra o que nossas irmãs estão lutando, nós precisamos nos colocar no lugar delas. Nós brancas nunca vamos entender o que uma mulher negra passa, e isso é só um exemplo. Então quando uma coleguinha está na frente da sociedade toda lutando pelos direitos dela, nós precisamos sentar, ouvir, ter EMPATIA e abraçá-la no fim das contas. Estamos todas lutando pelos nossos direitos, mas quando não nos encaixamos na luta de um outro grupo, nós precisamos pelo menos entendê-los e não julgá-los.

melissa-flygrl-banner-aceita

Aceita que dói menos.

CADA UM NO SEU QUADRADO, PORÉM JUNTO E MISTURADO. Também não podemos fechar os olhos, nós temos a obrigação como ser humano entender as dificuldades e as lutas dos nossos irmãos, INCLUSIVE DOS ANIMAIS. Um exemplinho básico, esses dias um cara BEM BABACA do meu Facebook fez um post dizendo “Eu amo carne, desculpa vegetarianos, veganos e afins”. Quem aí consegue encontrar o erro??? Cadê a empatia? Cadê o respeito? Você gostar de carne é ok, você mandar indiretinha pro seu irmão que não compartilha da mesma opinião que você é falta de tanta coisa que vou deixar para vocês pensarem e voltamos nesse assunto um outro dia.

Voltando ao GIRL POWER do dia, é importante que as mulheres se unam, independente das ramificações dessa luta. Saia deste post hoje olhando para todas as mulheres com olhos diferentes, deixe o julgamento em casa guardadinho e trancado com chave e jogue ela fora! Saia desse post sabendo se colocar no seu lugar e sabendo respeitar o próximo. Lembre-se o acessório mais valioso que você vai usar daqui pra frente é a empatia.

Beijinhos e até a próxima!

Anúncios

Um comentário sobre “Sem rótulos, por favor

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s